O que significa fluxo de caixa? – Definição e exemplo

Diferentes áreas relacionadas ao fluxo de caixa

O dinheiro é considerado a alma de um negócio. Sem dinheiro, um negócio ou mesmo um comerciante não pode sobreviver. Portanto, medir quanto dinheiro entra e sai do negócio é vital. O termo fluxo de caixa foi cunhado com o mesmo propósito. 

Os comerciantes podem verificar a quantidade líquida de dinheiro entrando e saindo da empresa. Vamos entender o fluxo de caixa com mais profundidade. 

O que é fluxo de caixa?

Gráfico mostrando o fluxo de caixa

Como mencionado, fluxo de caixa é o fluxo de caixa líquido e outras coisas equivalentes dentro e fora da empresa. 

Se um trader receber dividendos por seu investimento, isso representará uma entrada de caixa. Outros exemplos de entrada incluem dinheiro de vendas, royalties, devedores, juros, etc.

Ao contrário, o dinheiro gasto na compra de ações ou qualquer coisa significará uma saída de dinheiro. Geralmente consiste em receitas e despesas de capital. 

Na maioria dos relatórios financeiros, o objetivo principal é avaliar o fluxo de caixa, sua origem e para onde vai. O fluxo de caixa é importante para saber como uma empresa se comporta financeiramente e quão melhor ela pode suportar qualquer instabilidade financeira. 

Um negócio deve ter um fluxo de caixa positivo para manter sua boa vontade e atrair investidores. Isso significa que o negócio tem mais entrada do que saída de caixa.

Um fluxo de caixa positivo indica:

  • Os ativos líquidos da empresa estão aumentando.
  • Pode reembolsar empréstimos tomados de bancos e credores. 
  • Ele pode cobrir todas as suas despesas, pagar os acionistas e muito mais. 

Além disso, uma empresa com flexibilidade financeira pode suportar quaisquer desafios. Os investidores também são atraídos para as empresas que têm um fluxo de caixa positivo.

Análise de fluxo de caixa com demonstrativos de fluxo de caixa

Demonstrativo do fluxo de caixa de uma empresa

Você precisa de uma demonstração de fluxo de caixa para analisar a liquidez e a lucratividade de qualquer negócio. É uma demonstração financeira formal que descreve a origem e o uso do caixa da empresa durante um determinado período. 

Analistas e investidores usam uma demonstração de fluxo de caixa para determinar a capacidade de uma empresa de gerar caixa e cobrir suas despesas operacionais. 

A demonstração financeira mais importante da empresa é a demonstração do fluxo de caixa. É uma das partes cruciais, além do balanço patrimonial e da demonstração de resultados. 

Exemplo de fluxo de caixa:

Aqui está uma ilustração da demonstração do fluxo de caixa de uma empresa que o ajudará a esclarecer o conceito. 

Fluxo de caixa das operaçõesQuantia
Resultado líquido$60,000
Adições ao dinheiro
Depreciação$20,000
Aumento de contas a pagar$10,000
Subtrações de dinheiro
Aumento de contas a receber $20,000
Aumento no Estoque$30,000
Caixa Líquido das Operações$40,000
Fluxo de caixa do investimento
Compra de Equipamentos$5,000
Fluxo de caixa do financiamento
Notas pagáveis$7,500
Fluxo de caixa para o mês encerrado$42,500
  • Os montantes do dólar azul levam a uma saída de dinheiro. Por exemplo, o aumento no estoque sugere que a empresa adicionou o estoque que vale esse valor ao balanço. No entanto, compramos o estoque de $30.000, reduzindo o caixa. 
  • Os valores em preto sugerem uma entrada de caixa. Por exemplo, a demonstração de resultados mostra a depreciação de $20.000 como despesa. No entanto, não reduz qualquer dinheiro. É por isso que adicionamos de volta ao lucro líquido. 

Na tabela acima, você pode ver que a demonstração do fluxo de caixa tem três partes. Cada seção tem seu significado no negócio e leva à entrada e saída de caixa.

A linha de fundo

O fluxo de caixa é vital para entender como um negócio funciona. Muitas pessoas confundem com lucros, mas não são a mesma coisa. Os lucros são o lucro líquido de um comerciante. Por outro lado, o fluxo de caixa é a quantidade líquida de dinheiro que entra e sai do negócio. 

Ativar compartilhamento instantâneo por padrão